B.Side Insights

Daily report

Fechamento B.Side: Ibovespa cai aos 98 mil pontos com temores fiscais renovados; dólar encosta nos R$ 5,23

Fechamento B.Side: Ibovespa cai aos 98 mil pontos com temores fiscais renovados; dólar encosta nos R$ 5,23

O ressurgimento de temores fiscais por conta de medidas sobre combustíveis, além da possibilidade de aumento no valor do Auxílio Brasil e criação de uma “bolsa caminhoneiro, voltaram a minar a confiança do investidor por ativos locais. Assim, o Ibovespa registrou queda de 1,45%, aos 98.080,34 pontos. O índice foi pressionado, principalmente, pelas blue chips e não acompanhou a recuperação pontual dos mercados acionários de Nova York.

Em Wall Street, as bolsas americanas subiram em bloco, com maior avanço para papéis de tecnologia, depois de os Treasuries de 10 anos recuarem para seu nível mais baixo em cerca de duas semanas. Investidores seguem atentos à conduta do Federal Reserve sobre a política monetária. Hoje, o presidente do Fed, Jerome Powell, reafirmou o compromisso “incondicional” do banco central americano para reduzir a inflação dos Estados Unidos.

No mercado de câmbio, o dólar à vista subiu 1,02%, cotado a R$ 5,2298, pressionado pelo fortalecimento da moeda americana no exterior e pelo aumento da percepção do risco fiscal doméstico.

Destaques da Bolsa

Entre os destaques da B3, os setores de tecnologia e varejo passaram por um pregão de recuperação, depois de fortes quedas recentes. Locaweb ON disparou 9,01%, Petz ON acelerou 6,26% e Magazine Luiza ON avançou 4,51%.

Já as ações de BRF ON subiram 7,80%, com o mercado interpretando um cenário favorável para frigoríficos, com preço de exportações em alta e o preço de gado estabilizado.

Pelo lado negativo, apesar da alta de mais de 6% do minério de ferro na sessão, as empresas de mineração e siderurgia recuaram em bloco, com preocupações pela demanda da commodity persistindo, diante de um cenário de inflação alta e menor consumo dos chineses por aço. Vale ON tombou 3,65%, Gerdau PN perdeu 2,84%, Usiminas PNA se desvalorizou 3,65% e CSN ON cedeu 2,00%.

A queda do petróleo e preocupações domésticas novamente pressionaram as ações de Petrobras ON e PN, que caíram 2,12% e 1,85%, respectivamente. Outros nomes do setor também foram impactados, casos de PetroRio ON (-3,76%) e 3R ON (-3,44%).\

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigo anterior B.Side Daily Report: bolsas globais operam com viés de alta nesta quinta; preço dos combustíveis segue como pauta em Brasília
Próxima artigo B.Side Daily Report: bolsas globais adotam trajetória de alta nesta sexta-feira; IPCA-15 de junho registra alta de 0,58%